Criando jardins e áreas verdes para relaxar e cultivar plantas

Criando jardins e áreas verdes para relaxar e cultivar plantas

Cultivar plantas em vasos permite que tenhamos jardim em qualquer espaço. Podemos ter vasos de plástico, de cerâmica natural ou vitrificada, de cimento, de  concreto, e ainda vaso reciclado usando-se tinas de madeira, por exemplo. O peso do vaso é um fator importante principalmente se o local for uma sacada ou  cobertura de casa.

Vasos de plástico modelo Laos da Tramontina. São leves, duráveis e elegantes.

Os vasos de plástico são tendência atual por serem leves e de baixo custo. Existem hoje muitos modelos que imitam diversos materiais com perfeição.  No mercado vamos encontrar vasos de plástico mais simples até linhas importadas mais sofisticados e até com rodízios embutidos. Os módulos de  vasos plásticos encaixáveis para cultivar uma horta caseira são uma opção interessante.

Os vasos de cimento ou concreto são pesados, resistentes e duráveis. E, se não queremos o vaso na cor de concreto, pode-se pintar com tinta PVA na cor desejada.

Os vasos de cerâmica podem ser de barro na cor natural e conferem um aspecto rústico e natural. Os vasos de cerâmica vitrificados são lindos e são ao mesmo tempo artesanais e sofisticados. Os vasos vitrificados vietnamitas são lindos e decorativos, verdadeiras obras de arte.

Para os vasos de concreto, cimento ou de cerâmica, uma dica é pintar com tinta impermeabilizante a parte interna para evitar que fiquem com manchas brancas na parte externa. Já nos vitrificados não acontece isto. Os vasos de madeira e inox são usados como cachepos, ou seja, plantamos em um vaso de plástico e colocamos dentro do cachepo. Plantar direto no vaso de madeira, só se for madeira de lei, cada vez mais rara hoje em dia.

Existem ainda vasos feitos de fibras naturais (de côco, por exemplo) que são biodegradáveis usados para o plantio de orquídeas e espécies de tamanho pequeno.

Quando plantamos um vaso é importante lembrar que vamos colocar a planta fora do solo natural. Isto quer dizer que a drenagem da água da chuva e da rega não ocorrerá de forma natural. Teremos que criar condições para o escoamento da água. E, prover nutrientes para a planta, já que a raíz não terá onde procurar por estar confinada no vaso.

Em relação ao pratinho que se coloca embaixo do vaso, hoje devido ao problema da dengue, opta-se por não colocá-lo. No caso de usar o prato, a dica é completar com areia fina no prato para que a água não fique acumulada.

Uma boa dica é colocar suporte com rodízios para o caso de eventualmente ser necessário mover o vaso.

Dicas de plantio e drenagem veja aqui.