Arquivo da categoria: Patrocinado

Conviver com as plantas melhora a qualidade de vida

Existem diversas pesquisas e estudos realizados nas últimas décadas comprovando os benefícios do contato com a natureza e a vegetação. Conviver com as plantas e a natureza melhora e muito o bem estar mental e a saúde das pessoas. Esta interação tem o poder de aliviar o estresse da vida urbana e proporcionar bem estar. Vale a pena dedicar o tempo livre para trazer vida e energia nova para sua casa e para o jardim: dê uma volta em uma floricultura ou em um parque e descubra coisas novas, plantas novas. Eu pratico isto:  vou na Floricultura Blumengarten para ver o que tem de novidades para cultivar no meu jardim e alegrar minha casa. Minhas preferidas são as plantas comestíveis, como frutos e temperos. E plantas com flores e perfumes. Para dentro de casa, onde tem pouca luz natural também existem opções.  Dá uma olhada em algumas sugestões.

mini romã
Fruta para cultivar em um vaso na sacada com sol: mini romã Foto: Helena Schanzer
floricultura blumengarten
Muito verde na Floricultura Blumengarten Foto: Helena Schanzer

Para ter contato com o verde no seu dia a dia, cultive vasos na sacada e faça atividades no jardim. Estudos comprovaram que pessoas que trabalhavam em escritórios com uma vista da natureza eram mais felizes e mais saudáveis ​​no trabalho. Estar em ambientes naturais levanta o humor das pessoas e aumenta a capacidade de concentração.

lirio da paz
O lirio-da-paz é uma planta com flores duráveis apropriada para interiores . Foto: Helena Schanzer

O lirio-da-paz ou Spathiphyllum é uma planta ótima para ter em casa ou no escritório em locais onde não tem sol. Ela gosta de luminosidade e de solo úmido. A suculenta da foto abaixo, a epífita Ripsalis é uma ótima opção para pequenos espaços com pouca luminosidade natural em escritórios e na casa. Fica linda em um cachepô de cerâmica.

Ripsalis
Ripsalis

Existem tipos de plantas de tantas espécies que sempre encontra-se uma que se adeque a situação que temos em casa. O bem estar que as plantas nos trazem é incrível, elas humanizam qualquer ambiente.

orquídea Oncidium, nativa do sul e dá muita flor
orquídea Oncidium, nativa do sul e dá muita flor
flores e mais flores
Passeio na floricultura traz bem estar e nova perspectiva de ver as plantas

 

floricultura Blumen 2
Plantas de todos tamanhos e espécies, difícil escolher! Foto: Helena Schanzer

 

Veja mais sobre  como o contato com a natureza e as plantas melhora a qualidade de vida e o bem estar

 

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer) e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

Conhece a “Floresta de bolso” ou minifloresta?

O termo “Floresta de bolso” significa uma pequena floresta cultivada dentro de centros urbanos.  Estamos precisando tanto de áreas verdes significativas nas cidades!  Áreas verdes que purifiquem o ar, refresquem a atmosfera, incrementem a avifauna e isto só se consegue plantando árvores e, de preferencia, espécies nativas. Estive na floricultura Blumengarten conferir quais árvores de espécies nativas vendiam para montar uma “Floresta de bolso“, ou minifloresta. Encontrei tantas árvores interessantes! Jaboticabeira, pitangueira, araçá, pata de vaca, açaí, canela-nativa, entre tantas outras espécies de árvores nativas para voce compor a “Floresta de bolso”.

jaboticabeira
Jaboticabeira é uma árvore nativa Foto: Helena Schanzer

Conforme reportagem do jornal paulista Estadão, a “Floresta de Bolso” é uma técnica desenvolvida pelo botânico paulista Ricardo Cardim. O grande lance da floresta de bolso é concentrar grande biodiversidade e massa arbórea numa pequena área. Para as cidades hoje tão adensadas e áridas, criar bolsões verdes contribui com diversas vantagens para melhorar o clima e a qualidade de vida urbana.

tree-1234288_1280

A “floresta de bolso” é uma solução ambiental importante para a cidade, pois combate ilhas de calor, umidifica e purifica o ar, preserva espécies vegetais nativas ameaçadas de extinção, resgata a biodiversidade local e fornece abrigo para polinizadores e pássaros. Dá para plantar mudas de tamanho grande que o pequeno bosque fica pronto mais rápido.

mudas de árvores nativas

tree-trunk-569275_1280

A idéia do botânico paulista Ricardo Cardim é muito legal e incentiva coletivos a plantarem florestas de bolso com espécies da mata atlantica. É uma aula de educação ambiental na prática! No inicio do mes de março, realizou um plantio coletivo da primeira minifloresta pública de São Paulo, ou Floresta de Bolso. Montada em uma área que estava totalmente abandonada, entre duas avenidas no bairro Vila Olímpia, a floresta vai trazer uma série de benefícios para a região.  Então, vamos multiplicar esta iniciativa nas cidades?

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer) e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

Conhece a "Floresta de bolso" ou minifloresta?

O termo “Floresta de bolso” significa uma pequena floresta cultivada dentro de centros urbanos.  Estamos precisando tanto de áreas verdes significativas nas cidades!  Áreas verdes que purifiquem o ar, refresquem a atmosfera, incrementem a avifauna e isto só se consegue plantando árvores e, de preferencia, espécies nativas. Estive na floricultura Blumengarten conferir quais árvores de espécies nativas vendiam para montar uma “Floresta de bolso“, ou minifloresta. Encontrei tantas árvores interessantes! Jaboticabeira, pitangueira, araçá, pata de vaca, açaí, canela-nativa, entre tantas outras espécies de árvores nativas para voce compor a “Floresta de bolso”.

jaboticabeira
Jaboticabeira é uma árvore nativa Foto: Helena Schanzer

Conforme reportagem do jornal paulista Estadão, a “Floresta de Bolso” é uma técnica desenvolvida pelo botânico paulista Ricardo Cardim. O grande lance da floresta de bolso é concentrar grande biodiversidade e massa arbórea numa pequena área. Para as cidades hoje tão adensadas e áridas, criar bolsões verdes contribui com diversas vantagens para melhorar o clima e a qualidade de vida urbana.

tree-1234288_1280

A “floresta de bolso” é uma solução ambiental importante para a cidade, pois combate ilhas de calor, umidifica e purifica o ar, preserva espécies vegetais nativas ameaçadas de extinção, resgata a biodiversidade local e fornece abrigo para polinizadores e pássaros. Dá para plantar mudas de tamanho grande que o pequeno bosque fica pronto mais rápido.

mudas de árvores nativas

tree-trunk-569275_1280

A idéia do botânico paulista Ricardo Cardim é muito legal e incentiva coletivos a plantarem florestas de bolso com espécies da mata atlantica. É uma aula de educação ambiental na prática! No inicio do mes de março, realizou um plantio coletivo da primeira minifloresta pública de São Paulo, ou Floresta de Bolso. Montada em uma área que estava totalmente abandonada, entre duas avenidas no bairro Vila Olímpia, a floresta vai trazer uma série de benefícios para a região.  Então, vamos multiplicar esta iniciativa nas cidades?

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer) e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

Orquídeas, como não amá-las?

Estamos acostumados a ver orquídeas  cultivadas em árvores, as epífitas,   ou em vasos. Existem também orquídeas terrestres. A orquídea Arundina bambusifolia, chamada de orquídea- bambu cresce na terra ( e não nos galhos das árvores). As flores são brancas com rosa. Floresce em épocas de calor. Encontrei na floricultura Blumengarten mudas desta orquídea que é tão fácil de cultivar no jardim e resistente, além de nos brindar com flores quase o ano inteiro. Originária de Burma, é bem adaptada ao nosso clima. Não tolera geadas.

bamboo-orchid-54338_640
Orquídea bambu – terrestre

Gosta de sol direto, solo bem drenado, rico em matéria orgânica e mantida irrigada . Cresce até 1,2 a 2 metros de altura, mas pode ser podada e mantida com 1 metro de altura.

orquidea terrestre
orquidea terrestre

Conheça a orquídea Dendrobium nobile– orquídea olho-de-boneca, para plantar em árvores na rua, Clique AQUI.

366px-Arundina_graminifolia_(as_Arundina_bambusifolia,_spelled_bambusaefolia)_-_Curtis'_119_(Ser._3_no._49)_pl._7284_(1893)

 

bamboo-orchid-252304_1280
Flor da orquidea-bambu – planta resistente no nosso clima

 Para cultivar dentro de casa, a orquídea Phalaenopsis é a melhor opção, saiba mais AQUI.

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer) e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

Como lidar com as lagartas que atacam as plantas sem usar venenos

Quando as lagartas comem as folhas das plantas dá um certo desespero porque o estrago que elas fazem é grande. As lagartas  são vorazes e deixam a planta  sem folhas em pouco tempo. Não se desespere, calma!!! Existe um produto ecológico para controlar as lagartas  elaborado com Bacillus turingensis.  É um  produto fitossanitário, adequado ambientalmente. Se compra este produto na forma de pó e é necessário misturá-lo com água (ver na embalagem)  para pulverizar nas lagartas.  Encontrei na floricultura Blumengarten o produto inoculante com o bacilo. Dá uma olhada no vídeo neste post.

Lembre sempre que a lagarta vira borboleta!

Lagarta se transforma em Borboleta – foto: Pixabay

Veja o video que fiz na floricultura Blumengarten, vai entender sobre este produto que mata as lagartas e não tem riscos de usar.

 

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=axPz4sZSgyg]

 

O bacilo, ou a bactéria,  ao entrar em contato com a lagarta, tanto na sua fase vegetativa quanto na esporulação, produzem proteínas que têm efeito inseticida. Deve-se evitar o contato com este pó que contém os bacilos, usar luvas.

lagartas comendo a folha

Veja os ovinhos que as borboletas colocam no dorso das folhas, que dará origem as lagartas que comem as folhas.

ovo de lagarta

Borboletas no jardim: Veja aqui: polinizam as flores e indicam a qualidade ambiental

peacock-butterfly-484423_1280

caterpillar-562104_1280

 

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer)  e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você  (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

 

 

 

 

 

Barba-de-pau? Conheça a bromélia usada no presépio de Natal

Sabe aquela  planta conhecida como barba-de-pau ou barba-de-velho que fica pendurada nas árvores?  Muito usada para fazer decoração de Natal, no presépio e no ninho de Páscoa? Estava na Floricultura Blumengarten e encontrei um pacote com a barba-de-pau.  Tive que filmar e mostrar para vocês porque é uma planta muito peculiar. As pessoas nem imaginam que aquele material parecido com palha macia cinza é uma bromélia. Estas plantas crescem sobre as árvores e são epífitas (não são parasitas). O nome comum é  barba-de-pau, uma planta epífita da família das bromeliáceas, de nome científico Tillandsia usneoides*As folhas são muito finas e se alongam formando fios extensos. Tais fios caem do alto dos galhos das árvores em locais ensolarados e com alta umidade no ar. Se reproduzem atráves de pedaços da planta, adoram como suporte as árvores figueiras-nativas. A queda no chão da planta representa a morte porque ela seca. A “barba-de-pau” tolera geadas  e ocorre  no sul do país.

www.lucy.net
A barba-de-pau é a bromélia a esquerda. Encontrado em www.lucy.net
freakonaturezzz.blogspot.com
Bromélia barba-de-pau é que está pendurada nos galhos – Encontrado em freakonaturezzz.blogspot.com

Originária das Américas tropical e subtropical, é uma bromélia bem diferente das outras. Tem folhas modificadas e a flor é quase imperceptível.

barba de pau
A barba-de-pau, bromélia no seu habitat natural: a copa das árvores figueira-nativa Foto: Helena Schanzer

 

Veja o vídeo contando sobre esta bromélia barba-de-pau tão usada em decoração. Devem ser cultivadas para este fim, o extrativismo destas plantas é proibido.

 

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=ORu3Xk7UdOo]

 

 

 

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer)  e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você  (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializa

 * As plantas tropicais de R. Burle Marx. Harri Lorenzi e Luiz E. Melo Filho . Instituto Plantarum de estudos da Flora Ltda. Nova Odessa-SP. 2001.

Siga Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

 

Renove o jardim com flores para as festas de fim de ano

O final do ano se aproxima e as festas também e que tal renovar o jardim para o Natal e o Ano Novo acrescentando flores, perfumes e folhagens coloridas? Se você mora em apartamento, a alternativa é usar vasos.  Se mora em casa, mesmo com pouco espaço é possível fazer um jardim com flores. Uma das plantas com flores mais resistentes e que floresce em novembro e dezembro são os agapantos. Estive na BlumenGarten, a convite da floricultura e fiz umas fotos para os leitores do blog se inspirarem. Aos poucos, os conteúdos em texto e fotos serão publicados aqui no blog Jardim de Helena.

A planta Agapanthus africanus é uma herbácea usada como forração com folhas perenes que cresce rápido e não exige muito cuidado.

agapantos
Agapantos flores – foto: Piaxabay

O agapantos  é ornamental mesmo quando não tem flores pois as folhagens formam uma bela massa verde com altura de 30 a 60 cm. As flores são de cor lilás ou brancas e podem ser usadas como flor de corte (em vaso com água) para enfeitar ambientes. Não tem perfume significativo. Cultivada a pleno sol ou na meia sombra, tolera temperaturas baixas e geadas. A multiplicação é feita dividindo-se a touceira da planta. Existe uma variedade mini de agapantus que atinge uns 20 cm de altura e a flor é mais baixa.

agapantos lilás
Agapantos em jardim no Sicredi -projeto de paisagismo de Helena Schanzer
Agapantos com flores brancas – foto: Helena Schanzer

Veja galeria de fotos:

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer)  e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você  (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

Morangos podem ser plantados em vasos, basta ter sol!

Tenho uma amiga que quando entra em um shopping, dispara seu instinto consumista (uma só amiga não, várias!!). O meu consumismo acontece quando entro numa floricultura. Daí enlouqueço!  Eu estava há um tempo já de olho em um vaso especial para cultivar morangos que tinha visto na floricultura Blumengarten. Hoje decidi que realizarei meu sonho de consumo: plantar morangos no cobiçado vaso.  É um vaso de cerâmica vitrificada  tailandês na cor azul. Eu fiquei muito feliz porque não pretendo mais comprar morangos com agrotóxicos ou pagar preços exorbitantes pelos orgânicos.

morango em vaso
Plantando morangos em vaso foto: Helena Schanzer

Agora terei minha singela produção doméstica.  Podem se inspirar, filmei o passo a passo da montagem do vaso, vejam que é muito fácil. Na galeria de fotos tem todos materiais necessários.

 

Veja o vídeo do plantio do vaso com morangos:

 

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=eqHmEq2YrOM]

 

Você vai precisar dos seguintes materiais que estão na foto, além da sinasita ( argila expandida).

 

plantio morangos 2
materiais para plantar morangos em vaso foto: Helena Schanzer

Lembre de molhar quase todos os dias a terra porque os buracos deste vaso são pequenos, de modo que não retêm muita água ali.  E os morangos gostam de  solo levemente úmido. Não regue demais para não criar fungos e bactérias. Outro aspecto legal deste vaso é que os frutos ficam suspensos e  não tocam na terra. Porque quando os morangos tocam no solo vão apodrecendo, neste caso, a dica é  colocar uma cobertura de  folhas secas para evitar que toquem a terra.

Veja a galeria de fotos com o passo a passo da montagem do vaso com morangos:   Fotos: Helena Schanzer

 

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer)  e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você  (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

 

 

Como será a sua árvore de Natal?

O final do ano se aproxima e o Natal também.  Nos lares, a montagem da árvore natalina já começou. Fiquei pensando nas árvores de Natal que as pessoas montam nas suas casas, se são naturais ou são de plástico, quanto duram, qual o envolvimento da família. É um momento de reflexão, de balanço de fim de ano. Como é a sua árvore de Natal? É uma árvore ecológica? É de pinheiro cortado colocado em uma lata?  É uma árvore viva cultivada que você enfeitou? Ou é de plástico?  Em busca de uma idéia de árvore de Natal mais ecológica estive na floricultura Blumengarten para ver o que encontrava para decoração natalina. O que encontrei? Duas plantas que adorei: a Tuia -limão e a Poinsetia, na foto é a de folhas vermelhas ( não são flores, são folhas!!):

tuia limão e poinsetia
tuia limão e poinsetia foto: Helena Schanzer

 

Assista no vídeo abaixo a visita na floricultura e conheça as opções de plantas: tuia limão e poinsetia:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=PRYZDrnV1_Q]

 

poinsetia
Poinsetia foto: Helena Schanzer

Uma outra idéia de árvore natalina simples e ecológica é plantar uma árvore nativa em um vaso de resina leve já grande e enfeitá-la com luzinhas e bolinhas coloridas.

árvores para o Natal
Árvores enfeitadas para o Natal – Foto: Pinterest http://www.weddingstylemagazine.com

 

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer)  e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você  (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

 

Pimenta é fácil de cultivar no jardim

Um dos meus temperos preferidos para cultivar no jardim são as pimentas.  Aproveitei o sábado de sol e fui na floricultura Blumengarten  para ver os tipos de temperos e pimenteiras que poderia comprar  para ter no meu jardim. Para quem gosta deste tempero, saiba que é fácil cultivar a pimenta em vaso ou no jardim ao sol. A planta cujo fruto é a pimenta, é um subarbusto pequeno, originário do continente americano, com muitas variedades do Brasil *. Requer muito sol, terra bem drenada, rega frequente e composto orgânico. Existem diversas espécies de pimentas, algumas mais fortes e picantes, outras mais adocicadas, outras mais suaves.

Escolhendo plantas na floricultura – foto: Helena Schanzer
pimenta dedo de moça
pimenta dedo de moça – foto: Helena Schanzer

Vou mostrar para vocês as variedades que encontrei na floricultura BlumenGarten, acompanhe no vídeo:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=IVGIrjKfEqU]

 

Existem pimentas de todas cores, de amarelos a vermelhos. E espécies diferentes: pimenta-biquinho, pimenta-malagueta, pimenta-dedo-de-moça. As espécies mais comuns são: Capsicum frutescens, chamada de pimenta malagueta, Capsicum chinense, nativa do Brasil, chamada de pimenta-de-cheiro e  Capsicum baccatum, pimenta cumari (é a menor pimenta).

Pimenta biquinho – foto: Helena Schanzer
malagueta
Pimenta malagueta – foto: Helena Schanzer

Tenho um amigo que adora cozinhar e queria ter  os temperos frescos à disposição no apartamento. Então, em parceria com a arquiteta Helena Karpouzas  criamos uma horta na janela. A arquiteta projetou as floreiras para o apartamento sobre a janela onde incide sol o dia todo, e eu planejei as plantas: os diversos temperos  e as pimenteiras. Olhem na foto abaixo como ficou a grande floreira pronta:

HORTA COM HELENA KARPOUZAS

 

Veja galeria de fotos das variedades de pimentas para cultivar em casa:

 

 

Veja aqui como plantar em vasos ou floreiras.

 Aprenda aqui como plantar

 

* Plantas medicinais no Brasil, nativas e exóticas. Harri Lorenzi e F.J.Abreu Matos. Nova Odessa, SP. 2002. Instituto Plantarum.

**************

BLUMENGARTEN

HORÁRIO DE ATENDIMENTO
segunda a sábado das 08h às 18:30h (horário de verão)
domingos e feriados das 10h às 18h

ENDEREÇO

Rua Dr. Salvador França, 1750
Bairro Jardim Botânico III Perimetral
Porto Alegre / RS – com estacionamento próprio

Fone: (55) 51 3338 1588

**************

*Essa é uma postagem comercial. O conteúdo foi redigido pelo Jardim de Helena (Helena Schanzer)  e a marca e o local que aparecem aqui estão em conformidade com as condições editoriais para publicação no blog e no site da Rádio Gaúcha. A autora do blog teve liberdade para escolher, avaliar ou até mesmo vetar (se necessário) marcas ou produtos. É a garantia que você  (leitor) terá exatamente o mesmo ponto de vista e qualidade de um conteúdo não comercializado.

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter