Arquivo da categoria: Recicle – Seja sustentável

Reciclagem e compostagem caseira. Como ser mais sustentável no dia a dia

Veja 8 ideias criativas para usar pallets no jardim

Pallet ou palete  é um estrado de madeira, metal ou plástico que é utilizado para movimentação de caixas de produtos em um mercado, feira, etc. Com a tendência de reciclagem de usos, o reuso dos pallets de madeira na decoração está com tudo!  É uma forma de reutilizar o material quando não está mais próprio para o seu uso habitual. A fabricação de móveis deste tipo serve para não só evitar o desmatamento como também para baixar os custos da decoração.

Pallets podem servir para montar floreiras para cultivar  temperos:

Encontrado em westwing.com.br
Encontrado em westwing.com.br

Cama-balanço para área externa montada com pallets:

Encontrado em economize.catracalivre.com.br
Encontrado em economize.catracalivre.com.br

Mesa de centro para o jardim:

www.favoritaplanejados.com.br 2
www.favoritaplanejados.com.br 2

 Cama balanço:

decoracao-paletes-criancas-referans-blog-07

Horta caseira com pallets:

larnatural.com.br
larnatural.com.br

Cachepos para plantar árvore frutíferas:

Ideias-para-o-jardim-com-paletes- www.mostardela.com
Ideias-para-o-jardim-com-paletes- www.mostardela.com

Poltrona com pallets:

poltrona pallets
foto: Helena Schanzer

Floreiras para hortas e temperos:

www.favoritaplanejados.com.br
www.favoritaplanejados.com.br

 

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

Ideias para o jardim usando pallets reciclados

Este jardim foi criado utilizando-se somente coisas recicladas: plantas encontradas em entulhos de obra, pallets, carretel de fio elétrico, vasos reaproveitados. Custo zero!  Confere as fotos  e veja como ficou aconchegante e colorido.  As poltronas de pallets foram pintadas de cor laranja e recebem almofadas que não aparecem nas fotos.

recanto jardim
Jardim com mobiliário de pallets e carretel – foto: Helena Schanzer

Veja os detalhes dos enfeites.  As folhagens são todas de espécies resistentes como Ixora, portulaca, vedélia. agave. No piso foi colocado pedriscos de brita.

recanto 1
estante e cadeira de pallets foto: Helena Schanzer

Veja mais na Galeria de fotos:

 

Siga o Blog jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook:  https://www.facebook.com/jardimdehelena/

Instagram: http://instagram.com/helenaschanzer

https://twitter.com/helena_schanzer

Jardim, música e poesia em uma ação coletiva na Vila Assunção

Uma iniciativa super bacana chamada “Projeto vizinhança” criou um evento em uma casa tombada pelo patrimonio histórico. A casa localiza-se na Avenida Guaíba, na Vila Assunção, zona sul de Porto Alegre. O evento acontece neste sábado e no domingo, aproveite!!!

Projeto vizinhança 1

 Sempre quis visitar esta casa de estilo arquitetônico tão diferente, parece um palacete, e esta foi uma oportunidade incrível, as imagens falam por si.  A casa foi construída em 1950 e está praticamente intacta, é muito interessante por dentro e por fora. Para este evento “Projeto Vizinhança”, no sótão da casa foi montado um mini-cinema com filmes descritivos para deficientes visuais.  Diversas atividades culturais rolavam nos vários aposentos da casa.  Para mim, a “cereja do bolo” do evento foi assistir a pianista jazzista Ivone Pacheco tocando acompanhada do saxofonista  Mauricio Oliveira. Fica uma amostra com “Summertime” no vídeo abaixo.

[fbvideo link=”https://www.facebook.com/helena.schanzer/videos/1132684966741968/?l=1313806293688223939″ width=”500″ height=”400″ onlyvideo=”1″]

Dona Ivone Pacheco, para quem não conhece é a nossa diva gaúcha do jazz, que transformou o porão da sua casa no Clube de Jazz , uma espécie de clube secreto para quem curte jazz. Só para esclarecer, nada a ver com esta casa sobre a qual falo aqui no post.

projeto vizinhança 6

A artista  Eleonora Graebin  fez uma ocupação poética  e emoldurou a vista do rio Guaíba com véus bordados com poemas, olha que lindo na imagem abaixo.

projeto vizinhança 9

Em outra sala rolava uma oficina de artes e pinturas com crianças. Conforme o site do Projeto Vizinhança, a iniciativa surgiu em 2012 através de um grupo de amigos que resolveram ativar espaços ociosos da cidade transformando-os em local com participação coletiva.  No local desenvolvem várias atividades coma  participação de vizinhos visando estimular a convivência entre eles e a troca e a aprendizagem em um ambiente lúdico, criativo e informal.

jardins 4

Veja mais fotos do evento na galeria  – fotos: Helena Schanzer

 

 

Veja mais na página do “Projeto vizinhança” no Facebook:

https://www.facebook.com/ProjetoVizinhanca/?fref=ts

http://projetovizinhanca.art.br/

Siga o Blog jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook:  https://www.facebook.com/jardimdehelena/

Instagram: http://instagram.com/helenaschanzer

https://twitter.com/helena_schanzer

 

 

Idéias criativas: descubra o banheiro disfarçado na paisagem

Esqueça aqueles banheiros químicos na cor azul turquesa gritando na paisagem. Na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro,  no descolado quiosque  K8,  o pessoal inovou colocando banheiros químicos mimetizados na paisagem.  A estrutura toda foi coberta com adesivo decorado com folhagens , confere na foto, demais, não é?  E repare na limpeza do lugar, fica a dica para o nosso litoral!

banheiros quimicos mimetizados
Banheiros quimicos mimetizados na paisagem na praia da Barra no Rio – foto: Helena Schanzer

 

Cinzeiros se transformam em vasos no shopping center

O que fazer com cinzeiros que não são mais utilizados? No shopping Village Mall, na Barra, no Rio de Janeiro os antigos cinzeiros foram reciclados para vasos com folhagens nas áreas externas.  Achei super criativa a iniciativa!

cinzeiro shopping1 (Copy)
Cinzeiros transformados em vasos – Foto: Helena Schanzer

 

cinzeiro no shopping (Copy)
Cinzeiros transformados em vasos – Foto: Helena Schanzer
cinzeiro shopping2 (Copy)
Cinzeiros transformados em vasos – Foto: Helena Schanzer

Veja como a celulose se transforma em fertilizante orgânico para usar no jardim

A fábrica de celulose CMPC, Celulose Riograndense, em Guaíba (antiga Riocell) foi ampliada recentemente e passou a produzir mais resíduos. Os resíduos industrais deste processo são transformados em compostos orgânicos usados como fertilizantes. A jornalista Patricia Comunello, do Jornal do Comércio fez uma reportagem bem interessante mostrando todas as etapas.  Para mostrar a etapa final quando este fertilizante é usado nos jardins, a jornalista e o engenheiro agrônomo João Teixeira, da equipe da Vida produtos biológicos, empresa que faz a compostagem do resíduo,  fizeram uma reportagem sobre um jardim residencial feito por mim há uns 7 anos.

helena e patricia

Sobre o telhado verde com jardim

Este jardim foi feito sobre uma laje de concreto, telhado verde,  onde o produto usado como “terra”  foi elaborado com o composto orgânico e cascas de eucalipto. Este composto orgânico, também chamado de fertilizante orgânico é resultante do tratamento de resíduos orgânicos do processo da fabricação de celulose. Para saber mais, aguarde o post que publicarei na próxima semana com a reportagem completa sobre todo o processo de compostagem do liquor da celulose em tanques gigantes em Eldorado do Sul até o fertilizante orgânico que é usado no jardim da cobertura verde da casa. Mostrarei um jardim criado sobre laje de concreto com este material e onde se cultivam temperos, frutíferas e plantas nativas que atraem beija flores.

composto organico
Composto ou fertilizante orgânico para ser usado no jardim descarregado por caminhão – Foto: Helena Schanzer

Neste jardim foi usado exclusivamente este fertilizante orgânico, chamado de humoativo, misturado com cascas de eucalipto. Isto porque as cascas da árvore demoram mais tempo para se decompor, o que resulta num substrato que vai durar mais tempo.

Quer ver o passo a passo da execução deste jardim sobre a laje de concreto,  veja AQUI

 

Veja AQUI uma varanda Gourmet com hortinha e temperos

Plante chás calmantes como o cidró, veja AQUI

Siga o Blog Jardim de Helena nas redes sociais:

Facebook / Instagram / Twitter

 

 

Piscinas naturais que usam plantas para filtrar a água são inovação em Londres e na França

A piscina natural inaugurada recentemente em Londres usa plantas para filtragem da água e é conhecida como “Clube da Lagoa-piscina King’s Cross”(King’s Cross Pond Club)O diferencial da lagoa-piscina é que não utiliza produtos químicos (cloro, ozônio). Também não usa motores, nem bombas para filtragem da água. A água da lagoa-piscina é purificada por um processo natural de ciclo fechado pois na volta da piscina são cultivadas plantas numa área com solo molhado (tipo um pantano) e plantas aquáticas submersas para filtrar e manter a água limpa e clara. O objetivo é proporcionar aos visitantes e às pessoas que vivem na área, um belo e relaxante lugar onde possam nadar e desfrutar da natureza em uma localização urbana. É uma piscina para natação, tipo clube porém o visitante paga no dia do uso.

Foto: John Sturrock
Foto: John Sturrock -Divulgação –  “Lagoa -piscina ” King’s Cross em Londres recém aberta

Esta é a primeira lagoa de água doce feita pelo homem para banhar-se na Inglaterra. É  inovador pois esta piscina natural foi criada dentro de uma área de construção chamada de King’s Cross que fica no centro da cidade de Londres.  A piscina-lagoa-natural tem 40 metros de comprimento e é criação de Ooze Architects (Eva Pfannes e Sylvain Hartenberg) e da artista Marjetica Potrc. A piscina natural foi intitulada de “Solo e Água” e procura incentivar os visitantes a entrar na água e participar da instalação como uma obra de arte experimental.

King's Cross Pond Club
Foto: John Sturrock – Divulgação – “Lagoa-piscina onde os visitantes nadam, fica em Londres

A filtragem da água da piscina é totalmente natural e por isso restringem o número de nadadores por dia (o limite são 163 pessoas por dia). Para poder nadar nesta piscina é imprescindível tomar banho antes de entrar na água e não se pode usar filtro solar para não sujar a água.  Amostras da água são coletadas 4 vezes por semana e analisadas em laboratório. Caso a quantidade de bactérias passe de um certo limite, a piscina-lagoa é fechada para o banho. A empresa Fusion Lifestyle é a operadora da piscina-lagoa de King’s Cross.  Esta piscina funcionará por 2 anos. Os visitantes da Lagoa tem acesso a vestiários, salva-vidas e uma plataforma de observação que proporciona aos visitantes uma vista aérea da lagoa.

Existem piscinas naturais deste estilo que inclusive criam peixes para complementar o ciclo, já que eles contribuem para eliminar larvas e o limo que fica no fundo. E dai, você teria coragem para tomar banho com as plantas aquáticas e peixes por perto? Eu tenho coragem de nadar numa piscina assim. Adoraria! Pensei na temperatura, será que a água é muito fria?

Na França este estilo de piscina natural  também faz sucesso. A piscina-lagoa é projetada com plantas em volta e  muitas utilizam um sistema de filtros e bombas para circular a água e as  plantas vão oxigenando. Dá uma olhada neste vídeo de 2 minutos:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=o6r26RQs5iM]

 

 

 

 

 

 

 

 

Gestão da água: Israel inova com tecnologia e reciclagem das águas residuais

Israel é um país de vanguarda em diversos setores e se destaca numa área em especial: a gestão da água. O clima do país é desértico-mediterrânico e a água por lá é um recurso escasso. Shimon Peres, importante político israelense, Premio Nobel da Paz, foi presidente de Israel até 2014, alguns anos atrás esteve em São Paulo e fez um discurso na FIESP (Federação das Indústrias de São Paulo) cujas palavras não saíram da minha mente e transcrevo aqui: – “A água será o futuro da indústria alimentícia. Existe muita água no planeta, mas somente 1% da água é potável. Milhões de crianças morrem no mundo por não terem acesso à água. Mas podemos produzir água de várias maneiras e uma delas é economizando água. A água que economizamos é a mais barata, e se reciclarmos, dobraremos a quantidade de água.”

israel-555771_1280
Foto: Pixabay – Israel – Lago Kineret

Com esta idéia, a economia israelense focou na gestão do abastecimento da água em períodos de escassez, juntamente com a indústria local que ganhou a posição de especialista mundial no setor. Israel reutiliza as águas residuais para irrigação agrícola há mais de 60 anos e atualmente reusa mais de 75% das suas águas residuais de acordo com o site do ministério de Israel. Desta forma, este pequeno país desenvolveu a expertise em relação a questão do tratamento das águas residuais, a purificação e a reutilização da água na agricultura e na indústria.

golan-heights-176914_1280
Foto: Pixabay – Norte de Israel – Golan

De acordo com o ALEF News e o jornal The New York Times, as realizações de Israel no setor de água são destaque no mundo todo. ‘‘Há seis anos, estivemos em uma situação muitíssimo próxima de alguém abrir a torneira em algum lugar do país e não sair água”, revelou ao jornal Uri Schor, porta voz da Autoridade Hídrica do governo. Hoje, há água em abundância em Israel. Israel tornou-se líder mundial na reciclagem de águas residuais para a agricultura. O país trata 86% do seu esgoto doméstico, reciclando-o para uso agrícola – volume que representa cerca de 55% de toda a água utilizada na agricultura. Mais de 50% da água para residências, agricultura e indústria é produzida artificialmente, porcentagem maior do que em qualquer outro lugar no mundo. Quatro usinas privadas de dessalinização entraram em operação ao longo da última década. Uma quinta deve estar pronta dentro de alguns meses.”  Por outro lado, Israel tem que lidar com a contaminação das águas subterrâneas e com o alto custo da água para consumo dos habitantes.

jerusalem-173571_1280
Foto: Pixabay – Israel – Jerusalem- paisagismo na cidade antiga
waterfall-166539_1280
Foto: Pixabay

Você já pensou em se tornar vegetariano?

Ser vegetariano já é a realidade de muitas pessoas. Diversos motivos levam a esta decisão e significa uma mudança radical na vida. Tornar-se vegetariano influencia em vários aspectos do dia a dia e abre um novo mundo para quem adota este tipo de alimentação. Eu fui vegetariana durante 11 anos e me sentia super bem e saudável. Voltei a incluir carne no meu cardápio quando engravidei porque me dava vontade de comer, mas ainda sou natureba e posso passar dias sendo vegetariana. Quando descobri este portal na internet achei incrível e me deu vontade de voltar a ser vegetariana. Tanto que hoje sou colunista do portal e isto está me influenciando novamente a rever conceitos. Compartilho com vocês uma entrevista com os criadores do portal www.souvegetariano.com para conhecerem este estilo de vida que faz a gente olhar o mundo com uma nova perspectiva.

Foto: Pixabay
Foto: Pixabay – Ser vegetariano faz você descobrir novos alimentos

Como surgiu a idéia de fazer um portal  “sou vegetariano”? Quando foi lançado?

O portal foi lançado em março, mas já estava sendo planejando há mais de um ano. A ideia deste projeto surgiu de 2 pontos. Primeiramente foi a necessidade, porque um de nós havia se tornado vegetariano e se viu meio perdido na busca de informações sobre o assunto e de lugares para comer. O segundo foi a oportunidade que este mercado oferecia. Identificamos uma demanda crescente por produtos e empresas mais saudáveis. E isso inclui os orgânicos, o vegetarianismo, o veganismo, a alimentação viva, questões como a lactose, o glúten, o açúcar, o sal, enfim, uma série de fatores que compõem um universo de alimentação consciente.  O nosso objetivo foi unir tudo isso em um só portal, tanto no que diz respeito à demanda por uma informação qualificada e confiável, quanto à demanda por marcas e empresas deste nicho de mercado.

Qual o perfil de pessoa que frequenta o portal?

Ainda é difícil afirmar o perfil de pessoa que frequenta nosso portal. Estamos online há um pouco mais de dois meses. Mas o que ficou visível, é que estamos falando de um público muito maior do que a gente imaginou. Hoje em dia todo mundo se interessa por melhorar a alimentação. E o olhar sobre o vegetarianismo não carrega mais tanto preconceito. Pelo contrário, desperta a curiosidade. Então podemos dizer que temos um público bem variado no que diz respeito à idade e ao comportamento. Até pela nossa linguagem, que é leve, interativa e não ofensiva. Buscamos um formato que está em alta com vídeos, imagens, gifs, brincadeiras e presença forte nas redes sociais. A aceitação está sendo muito boa, principalmente no público feminino. Oferecemos muitas dicas de receitas e de alimentação através de nossas matérias e dos nossos colunistas.

vegetariano - alimentação - vegano
Foto: Pixabay – Ser vegetariano faz você frequentar feiras

Diga 4 vantagens de ser vegetariano. E 4 problemas que o vegetariano enfrenta:

Vantagens:

1- Economia: Apesar de existir a crença de que ser vegetariano é caro, na verdade trata-se de uma opção até mais barata. Basta olhar para o preço da carne. Trocamos ela por uma variedade de frutas e vegetais e obtemos um prato nutritivo, gostoso e mais barato.
2 – Performance: O vegetariano é obrigado a prestar mais atenção na sua alimentação. E com isso ele obtém mais resultados. Ele opta por pratos mais variados e com mais nutrientes e assim consegue atingir o melhor de si mesmo. Você fica mais ativo, mais leve e mais em forma.
3 – Respeito: Respeitando o próprio alimento, mesmo que inconscientemente o vegetariano passa a respeitar todo o resto. Ele respeita o meio ambiente, o corpo, os animais e fica cada vez mais perto de respeitar as próprias pessoas.
4 – Caminho alternativo: A palavra alternativo pode remeter a estar na moda, a ser diferente. E é mais ou menos isso. Quando você se torna vegetariano, você deixa de ser escravo de um único ingrediente e também de um único caminho. Ao deixar de comer carne você passa a buscar novas marcas, novas empresas e novas idéias.

Desvantagens:

1 – Dizer que é vegetariano: O mundo para toda vez que alguém descobre que você é vegetariano. E você se vê obrigado a responder perguntas inconvenientes e que há muito tempo vê como banais.
2 – Churrasco: Mesmo que você possa preparar o seu espeto com vegetais, o vegetariano fica um pouco excluído desses eventos. E até é comum, porque a sociedade ainda não aprendeu a lidar com os vegetarianos. Cabe a ele mostrar que pode conviver com seus amigos do mesmo jeito que fazia antes.
3 – Sua mãe: Você vai ouvir dela, e de toda sua família, que vai ficar pálido, fraco, e doente. Além disso, eles vão alegar que você é chato e não come nada. Mas com insistência, e uma frequência maior na cozinha, eles vão dar o braço à torcer.
4 – Você mesmo: Ser vegetariano oferece muitas vantagens mas ao mesmo tempo é uma boa armadilha. O fato de parar de comer carne não garante que você se torne melhor do que alguém. O seu envolvimento com os animais e com o meio ambiente é inegável. Mas isso não te da o direito de julgar os outros ou se posicionar como dono da razão. Todo mundo tem seu tempo para iniciar sua própria mudança.

Achei interessante que tem um mix bem variado de consultores no portal, inclusive médicos. Como é o olhar de cada um sobre a questão de ser vegetariano?

Buscamos justamente esta diversidade de opiniões e disciplinas. Acreditamos que a população precisa ouvir as opiniões de médicos, nutricionistas, cientistas, terapeutas, educadores. Pessoas que optaram por ter uma opinião não convencional a respeito da alimentação. Queremos mostrar pra todo mundo que existe sim profissionais que defendem uma alimentação vegetariana. Os olhares são diferenciados, cada um tenta passar a sua experiência conforme sua relação com os alimentos. Como cada um tem sua personalidade acabamos desenvolvendo um conteúdo bem diversificado e até algumas polêmicas.

nozes - alimentação - vegetariano
Foto: Pixabay – Ser vegetariano faz você mais saudável e atento ao que come

Existe um corrente de médicos que defende que o homem tem que comer carne, que somente a carne pode fornecer as proteínas adequadas para o nosso corpo e é fundamental para nossa saúde. O que estes médicos do portal tem a dizer sobre isto?

Em todas as profissões existem métodos e filosofias diferentes. A questão é que a cultura da carne sempre esteve mais em evidência. Nunca deixou de existir também a corrente de médicos que acreditam no consumo vegetariano. Apenas eram mais julgados e talvez não tinham tanta visibilidade na mídia. Hoje a questão da proteína já está bem mais disseminada. Fizemos uma matéria super completa em nosso portal, onde, com a ajuda do conhecimento dos nossos colunistas, também baseado em estudos comprovados, desvendamos diversos mitos e mostramos que viver sem proteína animal não só é algo possível, como também é simples e fácil. Um prato variado de vegetais supre facilmente a quantidade de proteínas exigidas pelo nosso corpo. O que se observa é uma demanda latente por profissionais capazes de admitir e lidar com isso. Por exemplo, um de nossos colunistas médicos tem agenda lotada para consultas até janeiro de 2017.

Posso ver vegetariana e ter alimentação equilibrada de nutrientes e proteínas para a saúde? Isto é mito ou não?

Esse assunto de proteínas e nutrientes dá bastante pano pra manga. Mas não deveria, porque ele é bem simples. Em resumo, essa neura da proteína começou pela sua própria importância, já que ela é vital para o nosso organismo. A carne pode até ser a fonte mais completa de proteína, mas daí concluir que é impossível viver sem ela, é um pouco equivocado, talvez até um certo comodismo. Se você variar o seu prato, facilmente irá atingir a quantidade exigida diariamente de proteínas e nutrientes pelo seu corpo. Acontece que é muito mais fácil dizer que a carne é insubstituível do que induzir o público (ou paciente) a buscar uma alimentação mais variada e balanceada. Além disso, o seu corpo e a natureza não estão interessados em potência, e sim em equilíbrio.

Em geral, quem é vegetariano ou vegano são pessoas muito mais calmas e tranquilas. A carne tem a ver com a agressividade no ser humano?

Não podemos negar a relação direta que temos entre o intestino e o cérebro. Por sinal, o intestino é considerado o nosso segundo cérebro. Toda nossa alimentação reflete diretamente em nossos pensamentos. Uma alimentação mais saudável, rica em todos os nutrientes necessários paro o seu corpo, incide diretamente no seu humor e na sua relação com as pessoas. Algumas correntes defendem até que quando você ingere um alimento também esta ingerindo toda o sentimento gerado encima dele. Seja o amor que um produtor orgânico bota no seu plantio, seja o o sofrimento passado por um ingrediente de origem animal. Mas esta é uma história bem mais longa…

vegetais - alimentação - vegetariano
Foto: Pixabay – Ser vegetariano é um estilo de vida

 

Qual o estádio no Brasil que tem o melhor gramado de futebol?

Você sabe qual o estádio no Brasil que tem o melhor gramado de futebol?  Quais as tendências hoje em gramados de futebol?  Para falar sobre estas questões entrevistei a engenheira agrônoma Maristela Kuhn,  Msc. especializada em gramados esportivos. Ela foi a coordenadora do projeto de gramados da Copa do Mundo FIFA BRASIL 2014 e atuou por 4 anos como responsável pelos 74 campos envolvidos no evento. Presta assistência a clubes de futebol profissional do Brasil.

Qual o estádio no Brasil que tem o melhor gramado de futebol e porquê?

Temos hoje no Brasil alguns estádios que se destacam como:  Itaquerão, Fonte Nova em Salvador, Arena Grêmio e Beira Rio que são estádios que tem todas as tecnologias disponíveis instaladas. Por isto estes estádios tem maiores condições de aguentar pisoteio e recuperar-se mais rapidamente após o uso. As tecnologias usadas hoje são: drenagem do campo à vácuo, uso de fibras de reforço de solo e luzes de suplementação para complementar o sol natural.

 stadium, estadio de futebol, gramado
Foto: Pixabay – Estádio e gramado de futebol

 

O que hoje é tendência nos gramados de futebol no mundo?

Com os novos estádios, visando dar conforto ao torcedor, evitar sol, chuva, neve, etc, foram criando-se coberturas nos estádios que ocasionam muita sombra no gramado. No futebol temos gramados de alta performance que precisam de LUZ para crescer e se recuperar rapidamente do pisoteio. Então, o uso de luzes que imitam o sol está cada vez mais presente.

Como que foi aquele lance de “costurarem” o gramado na Arena? Porque fizeram isto?

É um sistema de reforço de solo, extremamente útil para locais de muita sombra, é usado em vários estádios europeus e aqui no Brasil foi instalado na Arena Gremio e Itaquerão.

gramado de futebol- projetos
Foto: Pixabay – gramado de futebol

Existe tinta para pintar o gramado? Porque fazem isto?

Existem uns corantes verdes, com tons de verde muito parecidos com a grama natural. Usa-se quando ocorrem geadas fortes. Não costumamos usar no Brasil.

E no Rio Grande do Sul, que gramado de futebol se destaca?

Os dois gramados da dupla Grenal.

gramado de futebol- projetos
Foto: Pixabay – gramado de futebol

 

Engenheira Agrônoma  Maristela Kuhn:  engenharia@maristelakuhn.com.br

Membro da GCSAA